segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Eleições do Conselho Deliberativo e Fiscal da Sistel.

 Seria uma eleição justa se houvesse paridade na disputa. Não é difícil  prever o futuro. Jamais nossos representantes ganharão nas aprovações dos itens que irão ser discutidos e aprovados nas reuniões dos Conselhos Deliberativos e Fiscal. Isso é uma vergonha (como dizia o jornalista  Boriz Casoy). Passam os anos e ninguém consegue  uniformizar essa questão. Tem boi na linha. 

Eleição Conselheiros Sistel: Processo arcaico de envio de senhas seguirá sem mudanças neste novo ano eleitoral

O processo da Fundação Sistel para eleição dos conselheiros deliberativos e fiscais é totalmente arcaico e tecnologicamente ultrapassado...leia mais

Aposentadoria: Dia 24/jan é Dia dos Aposentados, mas eles sofrem para garantir seus direitos no Brasil

No dia 24 de janeiro comemora-se no país o Dia do Aposentado. Apesar de ser uma data importante, não se tem muito o que comemorar...leia mais 

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

PBS-TCS e PBT-BrT Atlântico paga Saldo do Superávit

Em Circular, de 10/01/2018, dirigida aos Assistidos (Aposentados ou Pensionistas) a Fundação Atlântico informou que pagará, antecipadamente, o Saldo Remanescente da Reserva Especial (Superávit) em Janeiro e Fevereiro de 2018...leia mais

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

A importância de indicar o designado

Para assegurar o pagamento do Pecúlio por Morte ou do Saldo de Contas, você, Aposentado ou Participante tem um pequeno dever conosco: Indicar o Designado...leia mais

domingo, 14 de janeiro de 2018

NÃO ESQUEÇA DE FAZER O SEU.

O projeto de recadastramento INSS surgiu em 2012 como uma iniciativa obrigatória para os cidadãos que recebem seu benefício através da conta corrente, cartão magnético ou poupança, é uma forma de manter os dados do beneficiário atualizado.

                    Recadastramento da Sistel - Diversos colegas faleceram e não colocaram nos seus recadastramentos além dos beneficiários, os designados. Aconselhamos que procurem suas associações e peçam instruções a respeito desse assunto.

Gás, plano de saúde e creche pesam no bolso das famílias

A inflação oficial do país fechou o ano de 2017 em 2,95%, segundo a última medição do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), divulgada na semana passada pelo IBGE....leia mais

Veja os novos benefícios dos aposentados e pensionistas

Os benefícios do INSS pagos a partir deste mês serão reajustados em 1,81%, para quem ganha o salário mínimo, e em 2,07%, nos casos em que a remuneração é maior do que o piso...leia mais

sábado, 13 de janeiro de 2018

Para manter o foro privilegiado, senadores preferem a eleição para deputado

Enquanto o Supremo condenou apenas cinco políticos envolvidos na Operação Lava Jato, as instâncias inferiores já mandaram para a cadeia 116 acusados..leia mais

quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

Fundos de Pensão: Previc veta conselheiro por falta de reputação ilibada

O ex-diretor da CEEE, Moacir Grippa, homem de confiança do Sindicato dos Eletricitários do RS, foi vetado para o Conselho de Administração da Fundação CEEE...leia mais

Planos de Saúde: Entram em vigor novas coberturas mínimas de planos de saúde

Entrou em vigor ontem (2) a nova cobertura mínima obrigatória dos planos de saúde definida pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), que inclui 18 novos procedimentos, entre exames, terapias e cirurgias que atendem diferentes especialidades, além da ampliação de cobertura para outros sete procedimentos, englobando medicamentos orais contra o câncer...LEIA MAIS

PROCESSO ELEITORAL - ELEIÇÕES DOS CONSELHOS DA SISTEL

No período de 12 a 21 de março de 2018 serão realizadas as Eleições Sistel para os Conselhos Deliberativo e Fiscal. Você terá direito a votar em uma chapa para cada Conselho, e se preferir, poderá também candidatar. Sua participação é muito importante!..LEIA MAIS

domingo, 31 de dezembro de 2017

PROBLEMAS-PROBLEMAS -PROBLEMAS

Hoje estamos  estamos vivenciando o ultimo dia do exercício de 2017. Foi um ano bastante turbulento no que se refere ao período de chuvas, principalmente no Nordeste onde já estamos a cinco  anos de estiagem. Tivemos no campo politico  noticias de embrulhar o estomago. Quatro ex-presidentes da Republica, 178 deputados, 37 senadores, 09 ministros e 19 governadores  foram investigados cada um com um cardápio bastante trágico. Foi descoberto negócios ilícitos em ministérios, estatais, fundo de pensões, bancos públicos, empreiteiras e partidos do Brasil.    Uma verdadeira farra com o dinheiro publico. Isso atingiu todas as classes, pois nosso país passa como disse no início por uma turbulência bastante  grave. Nós que administramos nossa AAPT,  sentimos na pele todos esses deslizes. Estamos há vários anos sem recebermos nossos superávits, tivemos nosso plano de saúde com aumentos astronômicos, nossa rede de saúde cada dia mais restrita de especialistas, as cirurgias com cobrança astronômicas sem que haja perícias, nossos conselheiros sem paridade para defender nossos direitos, cada dia cancelamento do plano por falta de pagamento. Pagamento que outrora era parcelado, hoje é pagamento total. E para quem não sabe, 3,2 bilhões de reais foram destinados ao nosso plano de saúde. Temos uma contribuição denominada Contribuição de Assistidos que não era mais para ser descontada. O presidente da nossa Fundação encaminhou para o conselho deliberativo decidir. Como ganhar se não temos paridade?. Nossos irmãos estão cada dia sendo recrutado para prestar serviços espirituais na TELECEU. Uma das nossas patrocinadoras até dias atrás estava mendigando recursos para sua sobrevivencia.  São tantos os problemas que vamos parar por aqui. Só há um caminho. Enviar para a cadeia os que estão fora da lei. Reforma política com a participação do povo. Investir na educação incluindo os ensinamentos do nosso Deus. Toda escola seja publica ou privada tem que ter a matéria Educação Moral e Cívica. Criação de Escolas Técnicas pois a tecnologia avança a cada dia. Breve teremos poucos empregos.


                                Que nosso Deus todo poderoso ILUMINE as consciências dos nossos futuros governantes.

CNPC esvazia atribuições do Conselho Fiscal

No último dia 6 de dezembro, o Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC) aprovou, com o voto contrário da Anapar, da Abrapp e dos representantes dos Patrocinadores e Instituidores, resolução disciplinando a contratação de auditoria independente...leia mais